Sexta, 28 Janeiro 2022
A paralisação dos bancários vem ocorrendo em boa parte do Estado do Maranhão. Cerca de 85% das agências bancárias permanecem fechadas. A greve já recebeu adesão  nas cidades de Imperatriz, Codó, Açailândia, Santa Inês, Caxias, Chapadinha, Vitória do Mearim, Santa Rita, Miranda do Norte, Balsas, Timon, além de São José de Ribamar e de São Luís.
 
Colinas ainda não aderiu à greve e a rede bancária está funcionando normalmente. No entanto,  segundo informações, os bancários  poderão declarar sua adesão, a qualquer momento, basta que recebam a convocação. As principais  reivindicações da categoria são: contratação de mão de obra para o interior do Estado, maior segurança nas agências bancárias, melhores condições de trabalho, plano de cargos e carreiras, reajuste salarial de 11,93%, piso salarial de R$ 2.860,21, aumento na participação nos lucros e resultados (PLR), além de  auxílio alimentação, refeição, creche e educação.
 
Uma nova assembleia acontecerá na tarde de hoje (23), na sede do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários do Maranhão /SEEB-MA, em São Luís, para ampliar o movimento grevista.
No último dia 12 deste mês, Richardson Barroso, também chamado por ‘Maninho’, jogava futebol,  como de costume, em um povoado de Colinas, quando,  em meio à partida, sentiu-se mal. Ele logo foi socorrido pelos próprios colegas, que o conduziram imediatamente até o Hospital Nossa Senhora da Consolação.
 
O quadro clínico de Richardson era grave. Ele teria sofrido uma parada cardíaca, que o havia deixado inconsciente. Foi transferido para São João dos Patos e, apresentando pioras, foi encaminhado à UTI do Socorrão de Presidente Dutra, onde permaneceu até ontem (22).
 
O quadro clínico de Richardson não apresentava melhoras. Exames revelaram que um coágulo se formou no cérebro do rapaz. Na noite de ontem (22), após ter sofrido um derrame cerebral, Maninho veio a óbito. A notícia entristeceu toda a cidade, que torcia pela recuperação de Richardson, pessoa muito conhecida no município.
 
Richardson tinha 28 anos de idade, residia com seus pais na Rua Bela Vista, bairro Serrinha. Tinha três irmãos e era pai de um menino que leva o seu nome. O corpo chegou na noite de hoje (23), nesta cidade e está sendo velado em sua residência. O sepultamento acontecerá amanhã.

Nessa quinta-feira, dia 19 de setembro, nossa equipe de reportagem flagrou vários animais, vagando livremente pela BR 135, no trecho que corta colinas nas mediações da Rodoviária da cidade. Infelizmente matéria deste tipo, mostrando animais circulando nas ruas, já não é mais novidade.

Além dos transtornos, o perigo é eminente e a situação requer o triplo da atenção já mantida por parte dos motoristas. No momento das filmagens, por pouco uma tragédia não acontecia. Se os motoristas que passavam, na manhã na BR 135, bem no perímetro urbano, não fossem em baixa velocidade, a colisão com os cavalos seria inevitável.

Desta vez não se tratava apenas de um ou dois deles, mais sim de uma verdadeira manada. Por diversas vezes, foram registrados graves acidentes provocados por estes animais, que vagam estradas e ruas desta cidade.

Manter animais soltos pelas vias públicas é crime, e prevê penalidades pecuniárias, aos proprietários que não cumprirem a lei, ou detenção a donos de animais soltos que chegarem a provocar acidentes. Segundo o advogado Neurifran Ferro, a ação preventiva que pode ser tomada pela Administração Municipal, é a apreensão do animal, até que o dono pague a taxa de soltura para poder leva-lo para um lugar adequado.

Animais que se encontram soltos na cidade, quando recolhidos pela Secretaria de Infraestrutura, são levados até o curral existente no prédio do Novo Matadouro Público Municipal. Lá os animais permanecem, até que os seus verdadeiros donos apareçam para buscá-los.

Uma taxa é paga para que a soltura seja feita, e o proprietário tem que ter um lugar adequado para colocar o animal. Na última terça-feira (17), por volta das 16h00min, vândalos invadiram o curral onde alguns animais encontravam-se presos e ameaçando o vigia do lugar, fizeram a soltura dos mesmos. Como a chave do curral não foi entregue, as tábuas foram arrancadas e a porteira quebrada, para darem passagem aos animais.

A polícia desconfia que as pessoas que cometeram o ato, são donas de alguns cavalos presos no lugar. Amedrontado o vigia nega que alguma coisa tenha acontecido por ali. Mais as evidencias no lugar e o B.O aberto na delegacia evidencia o caso.

Na tarde de ontem, Djane Pereira da Silve de 36 anos, residente na Rua Magalhães de Almeida, foi almejado com dois tiros no rosto, enquanto ele saia de uma residência na Avenida Buriti Bravo.

Na face da vítima os projeteis ficaram alojados, um no olho esquerdo e o outro tangenciou o direito e fraturou o osso da face, segundo informações cedidas pelo médico Geraldo Diniz, que atendeu a vítima, no Hospital Nossa Senhora da Consolação.

Hoje Armando Pacheco, delegado de Colinas, falou sobre o assunto. Disse que o caso esta sendo tratado como latrocínio, já que tentaram levar a moto da vítima, podendo se tratar também de um acerto de contas, uma vez que, a Djane já tem passagens pela polícia por praticas de crimes.

A polícia aguarda que a vítima melhore para prestar esclarecimento sobre o caso. Djane Pereira tem 36 anos e ainda, encontra-se no Socorrão de Presidente Dutra. 

Em Colinas, homem leva dois tiros no rosto

Escrito por Quinta, 19 Setembro 2013 18:27
Por volta de uma hora da tarde de ontem (18), Djane Pereira da Silva,  de 36 anos, residente na Rua Magalhães de Almeida, foi alvejado com dois tiros no rosto, enquanto ele saia de uma residência na Avenida Buriti Bravo.
 
A situação assustou as testemunhas, as pessoas estavam em seus afazeres cotidianos, quando foram surpreendidas com a abordagem do agressor. Uma das testemunhas, que não quis se identificar,  em  entrevista que concedeu à TV Consolação,  afirmou que o suspeito tem aproximadamente 20 anos, tem pele clara e é magro.
 
Em suas palavras,  ele relatou que dois homens chegaram em uma moto, com o da  garupa portava em mãos um revolver, que efetuou dois disparos certeiros contra Djane, que, ainda consciente, pediu por socorro. Um motorista, que passava pelo lugar, levou a vítima até o Hospital Nossa Senhora da Consolação. O  incidente ocorreu a poucos metros do SAMU, mas ninguém chegou a acionar os serviços do Sistema Móvel de Urgência.
 
Marcas de sangue estão por todo o lugar onde Djane foi alvejado. Os tiros foram direcionados à face da vítima, ficando os projeteis alojados, um,  no olho esquerdo e, o outro,  tangenciou o olho direito e fraturou o osso da face, segundo informações do médico Geraldo Diniz, que atendeu a vítima. Djane foi encaminhado para o Socorrão de Presidente Dutra,  pela gravidade dos ferimentos. 
O Campeonato Colinense de Futebol Amador 2013, teve início em 31 de agosto. Contando com  20 equipes inscritas, que disputam entre si as premições. Para o campeão R$5.000,00, vice-campeão R$2.500,00, 3° lugar R$ 1.000,00, 4° lugar R$ 500,00, o melhor goleiro e melhor artilheiro receberão R$ 250,00,  cada um.
 
No primeiro jogo do Campeonato, enfretaram-se Bahía e Chapadinha, Bahia 1 a 0 Chapadinha. No domingo 01 de setembro, GB Esporte enfrentou Gurís. A partida terminou com um placar sem gols. 
 
Na segunda rodada, houve partidas no sábado (07) e no domingo (08), sempre às 16h00min. Os times que se enfrentaram, no sábado (07),  foram Trezidela e Gurilas, com placar final de 1x1. No domingo (08),  jogaram Ajax e Bangu, vencendo o  Ajax por 3 x 1.
 
Pela terceira rodada, no sábado (14), jogaram União Esporte Clube e Cruzeiros, com placar final de 2x1,  para o Cruzeiros. Domingo,  Garotos enfrentaram Vovó Noeme, com a vitória deste, por  3x1 no placar final.

Casa é incendiada no bairro Liberdade

Escrito por Quinta, 19 Setembro 2013 17:08

Ontem (19/09),  um grande incêndio em uma área de terra localizada no bairro Liberdade ocasionou grandes transtornos ao senhor Paulo,  que teve sua casa completamente destruída.
 
A casa fica localizada no final da Rua Nova bairro Liberdade.
 
As causas do inicio do fogo estão sendo investigadas,  aguardem mais informações.
 
Veja a cobertura completa hoje (20/09) no Jornal de Colinas com imagens exclusivas.
 
 
 
 

Casa do Senhor Paulo

 

 


Local do Início do Fogo de propiedade do Senhor Cajueiro, de acordo com moradores

 


Carro Pipa que ajudou a combater o fogo

 

Estas pessoas tiveram suas casas salvas do fogo

 

Os trabalhos para a construção do novo Matadouro Público de Colinas tiveram início, ainda no ano de 2008. Dentro destes cinco anos, várias paralisações nas obras aconteceram,  pelos mais variados motivos. A construção avaliada em R$ 341.250,00, teve até inauguração realizada, mas, até os dias de hoje,  encontra-se sem funcionalidade alguma.

               O novo Matadouro Público de Colinas fica localizado às margens da BR-135, situado longe das águas do Itapecuru. O prédio já foi equipado com algumas máquinas, próprias para o manejo de animais de abate. No entanto, como o matadouro não entrou em operação, nunca foram utilizadas, por estarem  faltando tanques e caldeiras para tratamento de vísceras brancas.

O prazo para a conclusão de colocação dos equipamentos, assim como para a reestruturação do curral e do local de matança de animais pequenos, termina agora no mês de setembro. Segundo se apurou, este prazo foi estabelec ido pela Secretaria de Agricultura, através da  e AGED. Só que deverão ser acrescentados de 60 (sessenta) dias, para a entrega do prédio em estado de funcionamento adequado.

Enquanto isso, o velho Matadouro Público, estará funcionando normalmente, e os dejetos, até que o novo Matadouro seja entregue, continuarão a ser lançados diretamente nas águas do Rio Itapecuru. Acredite, porque é verdade: a obra foi inaugurada, pela administreação anterior, e, segundo consta, já teve até prestação de contas para o órgão que concedeu o dinheiro para a construção, o Ministério da Agricultura. Mmesdmo assim, as obras continuam. Agora,  é só esperar para ver se, realmente,  desta vez, o matadouro público será posto em funcionamento, encerrando a função de fossa que o rio Itapecuru vem tendo,  há anos. 

Escola faz manifestação contra poluição sonora

Escrito por Quarta, 18 Setembro 2013 11:17

Ontem (17),  por volta das 11h00min, alunos e professores da escola Dr. Antônio Jorge Dino pararam a cidade,  com uma manifestação pacífica. A reivindicação era contra a poluição sonora, promovida por uma loja da cidade, localizada bem próxima à instituição.

Os rojões e as músicas ao vivo muito altas atrapalhavam as aulas, a ponto de os professores terem que parar com as atividades. A iniciativa da manifestação nas ruas, contra o barulho, partiu do professor Douglas Santiago.

Após saírem pelas vias centrais, os manifestantes acompanhados de um carro de som, fizeram uma pequena parada, em frente ao Fórum. Lá,  alunos, professores e a diretora da escola reivindicaram às autoridades que fossem tomadas as providências cabíveis,  contra o barulho que a loja promovia, atrapalhando o ministrar das aulas.

Segundo eles, desde as sete horas da manhã, o estabelecimento comercial mantinha níveis de som ensurdecedores e a previsão era que assim permanecesse o restante do dia.

O professor Douglas Santiago afirmou que o objetivo do movimento foi reivindicar o direito de ministrar aulas, direito dos alunos que estavam sendo violado. Magda, diretora adjunta da escola, afirmou que a idéia partiu dos alunos, apoiada e iniciada extraclasse pelo corpo docente.

Pessoas Online

Temos 24 visitantes e Nenhum membro online


(99) 3552-1842

 

contador online gratis
V
isitantes - Desde 01/09/2011